ANO SACERDOTAL (2009/2010)

Actualizado em 05/Junho/2010

———————————————————————–

No Ano Sacerdotal, com a PALAVRA consigo a VIDA

———————————————————————–

Marcador da Palavra:

Rezar com a Palavra:

(Durante as 2.ª e 3ª Semanas do Advento as propostas de leitura estão relacionadas com a Visitação da Palavra Peregrina nas nossas Paróquias)

———————————————————————–

———————————————————————–

Queridos sacerdotes, o Senhor chama-nos amigos, faz de nós seus amigos, confia-se a nós, confia-nos o seu corpo na Eucaristia, confia-nos a sua Igreja. E então devemos ser verdadeiramente seus amigos, ter com ele um só sentir, desejar o que Ele deseja e não desejar o que Ele não deseja. O próprio Jesus diz-nos: “Vós sois meus amigos, se fizerdes o que Eu vos mando” (Jo 15, 14). Seja este o nosso propósito comum: fazer, todos juntos, a sua santa vontade, na qual estão a nossa liberdade e a nossa alegria. Bento XVI – 13/05/2005

RECURSOS:

annus_logo
  • Um  objectivo claro: tomar consciência da exigência de perfeição espiritual e moral que brota do ministério sacerdotal, tendo consciência de que a fecundidade pastoral desse ministério depende, em grande parte, dessa resposta espiritual, embora não dependa dela a eficácia salvífica dos sacramentos para os fiéis que os recebem, pois essa é fruto da própria acção salvífica de Cristo que eles representam.
  • Uma ocasião sugestiva: os 150 anos da morte do Santo Cura d’Ars.
  • Uma actualidade pastoral: compreender cada vez mais a importância da missão dos sacerdotes na Igreja e na sociedade contemporânea.
  • Um contexto indispensável: “A missão do presbítero realiza-se na Igreja. Esta dimensão eclesial, comunional, hierárquica e doutrinal é absolutamente indispensável para toda a missão autêntica e a única que garante a sua eficácia espiritual”.

O Papa convocou um Ano Sacerdotal (19/06/2009 a 19/06/2010), por ocasião do 150º aniversário da morte do santo Cura de Ars, a quem proclamará como padroeiro de todos os sacerdotes do mundo. O tema escolhido para o Ano Sacerdotal é o de «Fidelidade de Cristo, fidelidade do sacerdote».

Durante este Ano jubilar, está prevista a publicação de um «Directório para os Confessores e Directores Espirituais», assim como de uma «recompilação de textos do Papa sobre os temas essenciais da vida e da missão sacerdotais na época actual».

Significado do logótipo do Ano Sacerdotal

logo_gTrata-se da iconografia do Sagrado Coração de Jesus, em referência à Jornada Anual pela Santificação dos Sacerdotes, que sempre coincide, desde a sua instituição, com a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus. Portanto, chama a atenção direta ao tema da santidade específica à qual o ministro sagrado é chamado.
O Coração, que irradia raios de luz, refere-se à frase do Santo Cura d’Ars, que define o sacerdócio como sendo o “amor do Coração de Jesus”.
A estola, que se vê na imagem do Senhor, significa o Seu ser “Sumo e Eterno Sacerdote”, e evoca o fato de que todo presbítero é constituído como um prolongamento do Único Sacerdote, na história e para as gerações futuras.Os braços abertos simbolizam a postura típica e própria do sacerdote em atitude de oração e de meditação. As chagas nas mãos e no lado de Cristo, tal como se encontram na imagem do logotipo, recordam o único sacrifício redentor e evocam a satisfação vicária e a doação total de si mesmo, próprias do sacerdócio. A postura de acolhida parece dizer: “Vinde a mim todos vós que estais cansados e carregados de fardos, e eu vos darei descanso”. Trata-se de um convite consolador a todos os sacerdotes, que se fadigam no exercício quotidiano da caridade pastoral – às vezes, em terrenos mais áridos e difíceis – e, ao mesmo tempo, representa um exemplo, para que cada sacerdote tenha a mesma atitude diante dos que lhe estão próximos e  também dos mais distantes.

FISHERS OF MEN (parte I) em inglês

FISHERS OF MEN (parte II) em inglês

FISHERS OF MEN (parte III) em inglês

  1. marcos johnny de lima silva
    Novembro 27, 2010 às 20:39

    o senhor me chama a ser sacerdote santo e eu digo sim!
    sou um jovem apaixonado por Jesus e sua beleza interior. sou vocacionado e em breve seminarista da Diocese de Balsas-Maranhao- Brasil

  1. Julho 1, 2009 às 11:32

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s