Início > Editorial > EM MISSÃO, ACEITAR O DESAFIO

EM MISSÃO, ACEITAR O DESAFIO

Marcador da Palvra para a 27ª Semana do Tempo Comum (Ano C)

O nosso Patriarca na sua mensagem de apresentação do Programa Pastoral para este ano lançou-nos uma proposta:  “Desejo muito que, durante este Ano Pastoral, a nossa Igreja(Diocese) de Lisboa … mergulhe cada dia mais profundamente, em Jesus Cristo, o acontecimento definitivo da salvação e receba aí aquele ardor necessário para uma “nova evangelização”.

Há 15 dias escreveu-nos uma Carta Pastoral sobre a Nova Evangelização” – Um desafio pastoral. Fala de um “novo ardor, novos métodos e novas expressões”, de um novo compromisso missionário. São convidados a participar todos os cristãos que sintam um desejo sincero de caminhar na fidelidade, ao seu Baptismo, à vocação que escolheram, porventura à missão que lhes foi entregue.

Muitas são e serão as respostas aos apelos do Senhor Jesus, mas hoje destaco na nossa comunidade de Ribamar, a vocação da Vera Rato que parte na 2ª feira para Angola (Uíje). Belo dia. É o dia de S. Francisco de Assis. Que ele a proteja. Ele que deixou todas as vaidades e abraçou a pobreza para tratar cada pessoa e cada coisa por irmã e testemunhar: “Como são felizes e abençoados os que amam o Senhor e praticam o que o mesmo Senhor diz no Evangelho: amarás o Senhor teu Deus, com todo o teu coração, com toda a tua alma e ao teu próximo como a ti mesmo. Dia e noite elevemos para Ele os nossos louvores e preces, dizendo: Pai nosso que estais no Céu, porque é preciso orar sempre e não desfalecer”.

A Vera parte em missão, neste mês dedicado à oração pelas missões, sobretudo dos que vão para fora. Nesta oração tivemos, logo no dia 1, como medianeira, Santa Teresinha, ela que sem sair do convento se tornou, pela sua oração, padroeira das Missões, mas também S. Francisco Xavier, missionário incansável que percorre as terras da Índia, da Ásia em busca de chegar ao Japão, cuja imagem temos, aqui diante de nós. Seja ele para a Vera um “pai” espiritual, como exemplo e medianeiro.

«A causa missionária deve ser, para cada cristão e para toda a Igreja, a primeira de todas as causas», pois «não podemos ficar indiferentes ao pensar nos milhões de irmãos e de irmãs que ignoram ainda o amor de Deus» (João Paulo II).

O Concílio Vaticano II deixou-nos expresso que «a comunidade local não deve ocupar-se apenas dos seus próprios fiéis; deve ter espírito missionário e abrir o caminho a todos os homens para Cristo». Impõe-se, portanto, uma profunda renovação interior e de estruturas pastorais. Recuperando e dando sentido pleno àquele «como Eu vos fiz…» (Jo 13,15), «como Eu vos amei…» (Jo 13,34; 15,12), «como o Pai me enviou…» (Jo 20,21), «a Igreja necessita de uma forte “comoção”, que a impeça de se instalar na comodidade, na estagnação e na indiferença, à margem do sofrimento dos pobres», dos excluídos, dos explorados, dos marginalizados. Precisamos de deixar muitas coisas: ouro, prata, cobre, bolsas, túnicas, sandálias, bastão (cf. Mt 10,9-10). Ir ao encontro do Senhor em cada irmão…

Somos chamados a servir a humanidade do nosso tempo, confiando unicamente em Jesus, deixando-nos iluminar pela sua Palavra: “Não fostes vós que Me escolhestes; fui Eu que vos escolhi e destinei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça” (Jo 15,16).

Nesta Missa dominical, a Vera recebe uma Bênção de Envio em Missão com a Cruz e a Bíblia, em nome da nossa Comunidade. A nossa Catequese Paroquial compromete-se, conforme já falámos nos Grupos, em viver em comunhão com a Vera não só pela Oração, mas também com a solidariedade numa Campanha “Moinho para Papelão” que é um Projecto de Desenvolvimento para as mulheres daquela aldeia. E como diz a Canção que temos passado na nossa igreja nestes dias: “Parte e vai… Deixa o calor da tua casa; Deixa o conforto da família; E vai…Deixa os teus medos e temores; deixa as dúvidas e incertezas; Faz o mundo brilhar. Parte e vai; Missionária pelo amor; Leva a Palavra ao teu irmão; Testemunha em missão; Parte e vai…”

P. Batalha

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s