Início > Liturgia > MARCADOR DA PALAVRA – semana XVII do Tempo Comum

MARCADOR DA PALAVRA – semana XVII do Tempo Comum

>> MARCADOR DA PALAVRA <<

ALELUIA! Esta é a exclamação de louvor que brota da boca de quem está apaixonado pela vida e por Deus. É o grito de alegria do salmista cantando as maravilhas do Senhor. É o canto alegre do cristão, celebrando a ressurreição de Jesus. É a palavra jubilosa que, em cada domingo, anuncia a proclamação do Evangelho. Seja também “ALELUIA” a palavra alegre que brota no teu interior ao começares a tua oração diária.

2ª feira, 26/Julho – Mateus 13, 31-35

Deus realiza o seu desígnio de amor através de realidades escondidas: a oração humilde, um gesto de perdão recebido e oferecido, a simplicidade de um sorriso. Será que o meu olhar está atento a esta presença humilde do Reino?

3ª feira, 27/Julho – Mateus 13, 36-43

Como é possível que Deus trabalhe a nossa realidade se há tantos acontecimentos incompreensíveis e contraditórios? Se o Espírito de Cristo habita em mim, de onde vem esta minha divisão interna? Jesus convida-nos a uma atitude de confiança: nada de bom será perdido e o mal desaparecerá. eu Deus

4ª feira, 28/Julho – Mateus 13, 44-46

Conhecedor da natureza humana, Jesus evidencia uma característica presente na maioria das pessoas: o desejo de algo mais. Na realidade, é próprio do ser humano procurar o que é melhor para si. Estou nesta situação de procurar o que é mais importante na minha vida?

5ª feira, 29/Julho – Jeremias 18, 1-6

Jeremias experimenta na sua vida a amizade com Deus; deixa-se conduzir e convida todos os que o ouvem a fazer o mesmo. O abandono nas mãos de Deus, como barro nas mãos do oleiro é uma enorme graça. Já experimentei na minha vida momentos de abandono nas mãos de Deus? Que senti?

6ª feira, 30/Julho – Mateus 13, 54-58

Apesar da indiferença, Jesus sabe que a fé só pode ser alimentada em comunidade. E eu? Procuro partilhar a minha fé com os outros?

Sábado, 31/Julho – Salmo 69 (68)

Quando rezares, entra no teu quarto e reza em segredo e o teu PAI que vê no segredo te dará a recompensa. Hoje, quarto a que Jesus faz referência, pode ser o espaço onde a tua família está reunida; e o segredo da tua oração pode ser a alegria de rezar em família. A oração cristã tem sempre consequências: transforma a vida de quem reza e leva a dar testemunho do Evangelho. Não te entristeças se isso te torna motivo de escândalo; aconteceu o mesmo com Jesus.

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s