Início > Poesia > O MEU CORPO É COMIDA

O MEU CORPO É COMIDA

aAs minhas mãos, e as Tuas mãos

fazemos este Gesto, partilhada

a mesa e o destino, como irmãos.

As vidas na Tua morte e na Tua vida.

.

Unidos no pão os muitos grãos,

iremos aprendendo a ser a unida

Cidade de Deus, Cidade dos humanos.

Comendo-Te saberemos ser comida.

.

O vinho das suas veias nos provoca.

O pão que eles não têm nos convoca

a ser Contigo o pão de cada dia.

.

Chamados pela luz da Tua memória,

caminhamos até ao Reino fazendo História,

fraterna e subversiva Eucaristia.

.

Pedro Casaldáliga

Anúncios
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s